Now Playing Tracks

Tenho uma doença que me consome todos os dias. Que me pega na raiz e acaba comigo. Que ri da minha desgraça. Que tira o brilho das coisas. Que me deixa inseguro, agressivo e um pouco amargo. Uma doença que me causa dor, uma dor tão forte que eu não consigo nem definir. Eu tenho ciúmes, ciúmes da sua sombra, ciúmes da sua felicidade. É a verdade é que eu nunca me senti tão preso a uma possibilidade, e eu sei que você nunca prometeu nada, na verdade nós não temos nada, pelo menos era o que eu pensava até perceber que na verdade eu tenho tudo: amor, ciúmes e um medo infame de te perder de vista. Más Por que eu sinto ciumes de alguém que nem me pertence? Ora, que droga, eu não sei. Só sei que me fere.
Nattan Duran.  (via morbidavel)

(Fonte: assoprador)

To Tumblr, Love Pixel Union